KNN BLOG
Descubra 4 alternativas para aprender inglês de forma descontraída

Descubra 4 alternativas para aprender inglês de forma descontraída

Tips | 08/10/2019

O processo de aprendizagem não é o mesmo para todos. Isso precisa estar claro para quem decide aprender inglês. Afinal, aprender um novo idioma não é um processo rápido e o quanto mais você puder se dedicar a ele, melhor para o alcance da fluência.

Antes de mais nada, é preciso identificar qual metodologia de ensino é a mais adequada a você. O segundo passo é achar uma escola de idiomas que respeite a individualidade de seus alunos e oferte aulas adaptáveis às necessidades de cada pessoa.

Depois de identificar a melhor forma de aprendizagem às suas necessidades, é possível encontrar alternativas para incluir o inglês na sua rotina também com isso em mente. Essa estratégia é útil para que você se cerque do idioma cada vez mais, complementando e reforçando o que é visto em sala de aula por conta própria.

Quer saber mais sobre o tema? Então continue com a gente até o fim deste texto e boa leitura!

Quais as principais formas de aprendizagem?

A teoria das inteligências múltiplas sugere que os indivíduos têm formas diferentes de aprender. Isso significa que a metodologia que funciona muito bem para uma pessoa, pode não servir tanto assim para uma segunda. Atualmente, são nove as formas de aprendizagem mais comuns:

  • lógico-matemática;
  • linguística;
  • espacial;
  • corporal-cinestésica;
  • interpessoal;
  • intrapessoal;
  • musical;
  • natural;
  • existencial.

Ao identificar a metodologia com a qual você tem mais afinidade, é possível escolher atividades que permitam assimilar o conteúdo — qualquer que seja ela — de forma mais fácil. Certamente, isso vale também para o aprendizado de uma nova língua.

Dominar um idioma é uma tarefa que muita gente considera difícil e que, normalmente, é algo a ser feito a longo prazo. Com isso em mente, é importante buscar por uma escola que se utilize de metodologias adaptáveis ao aluno e que respeite suas individualidades.

Como aprender inglês se divertindo?

Identificar a metodologia de aprendizagem mais adequada a você é algo muito útil na sala de aula, mas também fora dela. Afinal, o inglês — ou qualquer novo idioma — pode ser aprendido por meio de atividades lúdicas e com o uso do entretenimento.

A seguir, listamos quatro boas práticas que funcionam tanto com quem está começando, como com pessoas que já têm algum conhecimento, mas precisam retomar os estudos. Vamos lá!

1. Ler livros

Ler livros em inglês é uma ótima forma de construir e reforçar o seu vocabulário. E o que é ainda melhor, de forma contextualizada. É possível encontrar obras indicadas para os mais diferentes níveis de compreensão. Para quem ainda está em turmas básicas, uma dica é ler o mesmo livro em edições originais e traduzidas.

Além de incrementar o seu glossário, a prática ajuda na produção de textos. De forma natural e fluída, você começa a entender mais sobre as melhores formas de ordenar as ideias em inglês. Além de tudo isso, o hábito da leitura nos transporta a outras dimensões e pode trazer um contato maior com a cultura anglófona.

2. Baixar aplicativos

Sabe quando você está na fila do banco ou no ponto esperando o ônibus e puxa o celular para se distrair? Provavelmente, você dá uma rápida passada por todas as suas redes sociais e responde uma ou outra mensagem no WhatsApp. Pois saiba que você pode aproveitar esses momentos de tédio para aprimorar o seu inglês.

Existem diversos aplicativos que podem contribuir para isso. O Duolingo, certamente, é o mais conhecido. Mas o Hello English e o LinguaLeo também oferecem boas opções de exercícios.

Todos esses apps são extremamente lúdicos e se utilizam de estratégias de gamificação para fisgar os usuários. Em questão de minutos, você estará imerso no jogo e querendo se desafiar cada vez mais!

3. Criar oportunidades de conversa

Muita gente tem vergonha de falar em público, especialmente quando isso precisa ser feito em outro idioma. Porém, a fala é uma importante habilidade no aprendizado de uma nova língua e ela precisa ser colocada em prática sempre que possível.

Além disso, para quem tem mais afinidade com as formas de aprendizado linguística e/ou interpessoal, a troca oral é fundamental para reforçar os conceitos aprendidos. Os aplicativos que apresentamos no tópico anterior permitem exercícios que treinam essa prática, mas uma interação com alguém que você conhece costuma ser mais efetiva.

Você tem amigos que já dominam o inglês ou que também estão estudando? Por que não combinar sessões de conversação? Os encontros podem ser semanais e, a cada vez, alguém sugere um novo tópico para debate.

4. Ouvir podcasts

Da mesma forma que a leitura possibilita a criação de textos mais elaborados, exercitar a audição ajuda na fala. Assim, incluir podcasts em inglês na sua rotina é uma boa estratégia para quem quer aprender inglês se divertindo.

Aqui, você tem algumas opções. Existem podcasts estrangeiros ou nacionais que justamente ensinam o idioma, tirando dúvidas de gramática por exemplo. Esses podem ser interessantes para quem está em níveis mais iniciantes. Se você já sente alguma segurança, pode investir em programas mais nichados, que falem sobre temas com os quais você realmente se identifica e se interessa.

Se você gosta de ouvir notícias — e aprender inglês enquanto se mantém bem informado — o The Daily, produzido pelo The New York Times pode ser uma boa pedida; se você busca entretenimento puro e simples, pode curtir o Homecoming, podcast da Gimlet Media, que conta com grande elenco e já foi adaptado para a TV pelo Amazon Prime.

Aprender inglês está longe de ser um bicho de sete cabeças, ainda que seja algo que leve tempo e precise de algum esforço da sua parte. Conhecer a metodologia que funciona melhor para você na hora de assimilar um novo conteúdo ajuda bastante, assim como se cercar do idioma no seu cotidiano por meio de estratégias lúdicas e divertidas!

Basta seguir as nossas dicas e você terá ainda mais facilidade em absorver o inglês. Agora que chegou até aqui, compartilhe este post nas suas redes sociais para que seus amigos também confiram essas alternativas para aprender inglês de forma descontraída!

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter