KNN BLOG
Curiosidades sobre o Dia do Trabalhador

Curiosidades sobre o Dia do Trabalhador

Curiosities | 01/05/2019

Além de aproveitar muito seu dia, conheça algumas curiosidades sobre essa data tão importante

Mais um primeiro de maio chegou. Desde 1925, com a vinda dos imigrantes europeus no Brasil, as ideias de luta pelos direitos dos trabalhadores vieram junto. Em 1917, houve uma greve geral. Com o crescimento do operariado, o dia 1º de maio foi declarado feriado pelo presidente Artur Bernardes. A data é internacional e em muitos países do mundo é feriado. No Brasil, não é diferente. A homenagem remonta ao 1º de maio de 1886, quando uma greve foi iniciada na cidade de Chicago, com o objetivo de conquistar condições melhores de trabalho, principalmente a redução da jornada de trabalho diário, que chegava a 17 horas, para oito horas. O dia também celebra a memória de São José Operário, o santo padroeiro dos trabalhadores.

Nos Estados Unidos, a data é comemorada na primeira segunda-feira de setembro. Já na Austrália, a comemoração é realizada em diferentes datas, que variam de estado para estadoNo Território da Capital da Austrália, New South Wales e South Australia, por exemplo, o Dia do Trabalho é comemorado na primeira segunda-feira de outubro. Já em Victoria e Tasmânia, a celebração acontece na segunda segunda-feira de março. Em Western Austrália, o Labour Day, como é conhecida a data, a comemoração ocorre sempre na primeira segunda-feira de março, e em Queensland e Northern Territory, na primeira segunda-feira de maio.

Antigamente, essa data era celebrada com muitos protestos e manifestações de trabalhadores no Brasil. As coisas foram mudando durante o Estado Novo, quando Getúlio Vargas passou a usar a data para anúncios que beneficiavam os trabalhadores. Entre as iniciativas anunciadas em 1º de maio, podemos destacar a criação da Justiça do Trabalho em 1941 e a promoção da CLT em 1943. Vale ressaltar que uma das conquistas dos trabalhadores no 1º de maio ao redor do mundo é o direito a férias remuneradas. A recomendação é de, pelo menos, três semanas. Mas tem alguns lugares, como por exemplo, China e Nigéria que dão apenas cinco dias ao ano, e no Japão e México, o período de férias varia entre oito e seis dias, respectivamente.

No Brasil, há a tradição de reunir os trabalhadores e fazer uma confraternização entre todos. Um destaque que vale a pena ressaltar é que em Cascavel, cidade localizada no oeste paranaense, acontece a Festa do Trabalhador. Toneladas e mais toneladas de carne são assadas para celebrar o dia. Ano passado foi assado 16,5 toneladas de costelas, totalizando 515 costelões. O evento é considerado o maior churrasco do Brasil e em 2017 enviou os documentos necessários para entrar no Guiness Book.

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter