KNN BLOG
A importância dos jogos para aprender inglês: conheça 6 opções!

A importância dos jogos para aprender inglês: conheça 6 opções!

Tips | 27/09/2019

Tem jeito mais legal de aprender do que se divertindo? Provavelmente não! E acredite: isso vale para todas as idades. A utilização de jogos para aprender inglês é uma metodologia muito comum e traz leveza e descontração às aulas.

As vantagens dessa estratégia vão ainda além disso: por meio de jogos, as turmas se tornam engajadas e mais interativas. Para completar, é possível incluir a rotina de brincadeiras no seu dia a dia, com familiares ou outros amigos, para praticar o conteúdo aprendido também fora do seu curso de idiomas. Legal, não é?

Quer saber mais sobre o tema? Então, continue com a gente e confira por que estudar inglês, conheça a importância das atividades lúdicas, e descubra 6 diferentes jogos que podem ser usados com esse propósito!

Por que estudar inglês?

Atualmente, o inglês é considerado uma língua universal. Com a importância mundial alcançada por potências como os Estados Unidos e a Inglaterra, o idioma passou a dominar a comunicação em diferentes nichos e segmentos — de transações financeiras e corporativas a pesquisas acadêmicas, passando pelas superproduções cinematográficas e de outras esferas do entretenimento.

Nesse sentido, conhecer o idioma pode trazer vantagens pessoais, profissionais e acadêmicas. Em um mundo cada dia mais globalizado e com um mercado de trabalho mais e mais competitivo, é importante pensar no seu futuro desde já. Cada vez mais, uma segunda língua se faz necessária e, de uns tempos para cá, essa língua é o inglês.

Ao decidir estudar inglês, é preciso ter em mente seus objetivos e suas necessidades com relação à segunda língua, assim como entender qual metodologia de ensino é a mais adequada ao seu estilo de aprendizagem. Cada um aprende de um jeito, com um ritmo diferente, e é preciso escolher uma instituição de ensino que respeite — e estimule — a individualidade de seus alunos.

Qual a importância das atividades lúdicas?

As pessoas podem ter jeitos variados de aprender, assim como ter preferência por diferentes metodologias — e tudo bem. Porém, quando se trata do ensino de uma segunda língua, a utilização de atividades lúdicas costuma ser bem-aceita pela maioria dos estudantes.

Trata-se de uma estratégia bastante adotada em turmas infantis, especialmente quando os pequenos ainda não foram alfabetizados. Nessa idade, a gente ainda não tem muita noção do que é estudar, então fica mais fácil assimilar qualquer tipo de conteúdo se estivermos brincando. Mas engana-se quem acredita que adolescentes e, até mesmo, adultos também não podem se beneficiar dessa metodologia.

A utilização de jogos e a transformação do ato de estudar em uma brincadeira também é muito útil para os grandinhos. Por meio de atividades lúdicas, é possível fazer os alunos relaxarem, tirarem a pressão de um dia de trabalho ou estudos e também estimular a interação em uma sala de aula. Dessa forma, fica mais fácil criar conexões e fixar o conteúdo trabalhado.

Quais atividades podem se trabalhadas em sala de aula?

Agora que você entendeu que a utilização de atividades lúdicas em sala de aula podem trazer benefícios no aprendizado de uma segunda língua, conheça a seguir, 5 diferentes atividades que costumam ser trabalhadas. Além de sugeri-las aos seus professores, você também pode organizá-las entre os seus amigos e, assim, aprender se divertindo!

1. Palavras Cruzadas

Muito comum em revistas e jornais no Brasil, na cultura americana esse é também um jogo de tabuleiro. Por lá, ele é chamado de Scrabble, que você já deve ter visto em filmes ou séries.

Trata-se que é uma ótima opção para exercitar seu inglês, caso você tenha a possibilidade de adquiri-lo. Mesmo no modelo tradicional ou online, fazer palavras-cruzadas em inglês é uma ótima pedida para reforçar o seu idioma e conhecer novas palavras.

2. Snakes and Ladders

Esse é mais um jogo de tabuleiro para treinar o vocabulário, dessa vez com foco em números. O board tem casas numeradas de 1 a 100 e eles estão interligados por cobras (snakes) ou escadas (ladders).

3. The Right Time

Quem nunca teve alguma dificuldade para aprender as horas em inglês? Pois saiba que é possível superar isso de uma vez por todas com o auxílio de um jogo bastante divertido.

Com três níveis de dificuldade, você estará muito mais seguro para falar as horas ao atingir o último estágio.

4. English Zone

O English Zone é um site com diversas atividades lúdicas para praticar diferentes conteúdos. O site é dividido em seções como Grammar, Reading, Writing, Spelling, Vocabulary, Idioms etc. O portal conta, ainda, com atividades destinadas aos professores que podem ser trabalhadas em sala de aula.

5. Stop

Também conhecido como adedonha em algumas regiões do país, o Stop é outro jogo muito útil para treinar vocabulários específicos. A cada rodada, diferentes categorias são escolhidas e uma letra do alfabeto é sorteada.

Esse jogo pode ser interessante tanto para quem está em níveis iniciais como para quem deseja exercitar vocabulários bem específicos — de cores a verbos, passando por superlativos, adjetivos etc. Além do tradicional papel e caneta, também é possível achar aplicativos e sites para jogar online.

6. Pictionary

Em português, o Pictionary é conhecido como Imagem e Ação. O famoso jogo de tabuleiro pode ser trabalhado de duas formas: por mímicas ou desenhos. Os participantes são divididos em times e sorteiam cartas com algo que os parceiros da equipe devem adivinhar em poucos segundos.

Já pensou jogá-lo em inglês? Além desse modelo tradicional, também é possível achar aplicativos online — e já em inglês — que facilitam ainda mais a brincadeira, como o Heads Up, criado pela apresentadora Ellen DeGeneres.

Contar com jogos para aprender inglês é sempre uma boa pedida! Além da sala de aula, eles podem ser levados para outros momentos do seu dia a dia e ser uma forma de interagir também com amigos e familiares que já dominam o idioma — ou também querem uma forcinha para praticá-lo.

Gostou deste texto? A gente espera que sim! Então aproveite a visita em nosso site e continue com a gente: veja agora o que considerar ao escolher o seu curso de inglês.

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter