Qual é o país que fala mais idiomas?

Antes de entrarmos na discussão sobre qual país fala mais idiomas no mundo, é importante lembrar que apesar de nós estarmos em um país que se concentra primeiramente em uma única língua (português), com a grande maioria dos países a história é bem diferente.

Para nós brasileiros aprender um segundo idioma é uma verdadeira aventura pelos limites culturais, mas para boa parte das pessoas do mundo, falar dois ou três idiomas faz parte da vida cotidiana. Por isso, compilamos uma lista com 4 países que se destacam pela sua quantidade de línguas (no caso, lugares onde é extremamente comum ter que trocar de idioma enquanto você viaja entre cidades). Confira:

África do Sul

Apesar do país ter passado grande parte de sua história falando africâner (uma variação do holandês, falado a partir de meados da década de 1652) e inglês (a partir de 1822). O país que teve uma mudança gigante após o fim o apartheid, hoje tem cerca de 11 idiomas oficiais.

Na contramão da maioria dos países que foram colonizados, a África do Sul não sofreu grandes proibições linguísticas durante os anos de colonização. Na verdade, os colonizadores encorajaram as populações indígenas a continuar falando esses idiomas como forma de separá-las culturalmente e como forma de impedir o acesso às instituições controladas pelos brancos. Afinal, sem o domínio da língua inglesa, muitos grupos indígenas vulneráveis ​ tiveram suas oportunidades limitadas – tendo seu acesso a bens e consumo podados durante várias gerações.

Hoje em dia são reconhecidas como línguas oficiais além do africâner e do inglês: Ndebele, Northern Sotho, Sotho, Swazi, Tsonga, Tswana, Venda, Xhosa e Zulu.

Índia

Os números oficiais para idiomas na Índia são um tanto difíceis de definir, mas o que se pode dizer com certeza é que a Índia é o lar de muitas línguas, começando com as 22 reconhecidas pela constituição (incluindo bengali, punjabi, hindi e tâmil, assim como a devanágari reconhecida como a língua-escrita oficial do governo), juntamente com o inglês.

Sendo esse último, o idioma do antigo colonizador (sendo falado fluentemente por mais de 90 milhões de pessoas, principalmente pelo círculo mais aristocrata da população). Sendo que o híndi por sua vez é falado por cerca de 40% dos habitantes do país (principalmente nas regiões central e norte).

Luxemburgo

Atravessando o oceano em direção a Europa, Luxemburgo se destaca no meio de tantos países pela sua cultura multilíngue. Esse pequeno principado conta com três idiomas oficiais: alemão, francês e luxemburguês, o que comparado aos outros dois parece ser muito pouco, mas o grande destaque de tudo isso é que eles estão completamente inseridos nos documentos oficiais e no sistema educacional.

Por lá, a maioria dos cidadãos fala fluentemente as três línguas, o que a torna uma sociedade verdadeiramente trilíngue em todos os aspectos.

Papua Nova Guiné

Ser o país com mais línguas em todo mundo parece ser uma grande honra, para outros pode se mostrar uma enorme dor de cabeça. Felizmente Papua Nova Guiné e seus mais de 850 idiomas para lidar bem com tudo isso, essa pequena ilha repleta de tribos e quase 9 milhões de habitantes.

Essa sociedade vive sob risco de extinção cultural constante, já que boa parte de seus idiomas tem menos de mil falantes e vivem cerceados pelo inglês e o tok pisin (um crioulo de base inglesa). Por lá, as outras duas línguas oficiais são o hiri motu e a língua de sinais da Papua Nova Guiné, esta última oficializada em 2015.

Parece que ser poliglota não é algo tão fora do normal

Faça parte dessa tendência mundial e aprenda uma nova língua

Agendar sua aula grátis