Carregando...

Carregando...

The Winter is Comming: Olimpíadas de Inverno

Olimpíadas de inverno, a competição mais desafiadora do mundo, está de volta.  Os atletas mais talentosos e técnicos do mundo se reúnem em Pequim, na China, para decidir quem será o campeão mundial.

Quando a nevasca chega à emoção começa! E é por isso que nós da KNN fizemos uma pequena lista de informações para você já ir entrando no clima do evento. Confira:

Presença garantida

Em todas as modalidades existem aqueles que se destacam, assim como o nosso Brasil faz isso com o futebol e por isso participou de todas as Copas do Mundo, o mesmo acontece com a Suécia, o Reino Unido e os Estados Unidos, esses três países já tem o carimbo no passaporte de todos os jogos de inverno até hoje.

Tá sobrando neve VS cadê a neve que estava aqui?

Sediar as olimpíadas não é tarefa fácil, não importa a época, o clima pode interferir muito em todo o planejamento e até acabar com a festa. E foi o que aconteceu com a cidade de Nagano em 1998, no meio da competição aconteceu uma nevasca gigante, o que fez os organizadores adiarem várias competições inúmeras vezes.

Por outro lado, Innsbruck em 64 sofreu do efeito oposto, os jogos quase tiveram que ser cancelados pela falta de neve. Em uma época em que não existiam máquinas de fazer neve, o que obrigou o exército a correr atrás de quarenta mil metros cúbicos de neve e vinte mil blocos de gelo para resolver toda a confusão.

A maior da história

A maior olimpíada de todos aconteceu na Coreia, isso mesmo, com noventa e dois países e quase três mil atletas (2.925 especificamente), PyeongChang teve os maiores jogos de inverno da história. Superando a marca anterior das Olimpíadas de Sochi (2014), na Rússia, que reuniram oitenta e oito nações e 2.858 competidores.

A paz pela metade

É nas Olimpíadas que a magia acontece, e nesse caso até mesmo o campo político entrou na roda, as duas Coreias (Norte e Sul) deixaram seus conflitos de lado e formarão uma equipe unificada de hóquei feminino. Além do vizinho do norte se movimentar para levar sua delegação, quem sabe eles desfilam juntos como em Sydney (2000).

Fora Rússia vs Russos são bem vindos

A confusão generalizada é que a Rússia olímpica não poderia deixar os jogos de inverno de lado, depois das polêmicas de doping no país o Comitê Olímpico resolveu barrar o país da maior festa do esporte. Mas isso não significou que os melhores atletas de lá sem um histórico ruim fossem impedidos de participar com uma bandeira neutra.

Marcou presença

Mesmo não sendo algo tradicional, a canarinho marca presença para nossa alegria. O Brasil vai à China com onze atletas para disputar cinco modalidades. Nós vamos competir no bobsled, no esqui (alpino,cross-country,estilo livre moguls) e no skeleton!

Bateu aquela vontade de se aventurar pelo mundo, né? E com os idiomas da KNN você vai estar preparado para qualquer desafio que a língua pode te oferecer, e principalmente, para se conectar com as pessoas e aproveitar os melhores eventos.

Pesquisa